Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Batalha Contra o Tempo.

 

 

Hoje acordei com o inverno dentro de mim.

A pele arrepia-se do frio gélido e cortante que me envolve em seus braços.

Do nariz caiem chuvas tropicais, cheias de intensidade e vigor mas de curta duração.

A respiração range como uma porta centenária cujo peso dos anos a faz penar qualquer movimento que faz.

O clima insurge-se contra o meu organimo, travando como que uma batalha pessoal violenta.

Mas o tempo é mais poderoso. Recorre às suas armas letais - o vento, a chuva, o frio, o calor e o sol - para me infligir golpes sem misericóridia. tal como o faz aos seus inimigos que vai derrotando e deixando pelo caminho sem qualquer pejo ou piedade.

Nada receio mais nesta batalha do que o envio de armas biológicas.

Ergui barreiras fortes e intransponíveis mas os enviados do tempo, cognominados "virus" e "bactérias", revestem-se de argúcia e perspicácia para superar todos os obstáculos que se lhe opuserem.

Imploro ao meu organismo que não se deixe derrotar pelo tão vil guerreiro do tempo intitulado Sir Constipação.